Descubra o que fazer para participar do Minha Casa Minha Vida

O programa Minha Casa Minha Vida foi desenvolvido pelo governo federal e oferece diversas oportunidades para quem quer realizar o sonho da casa própria. Essa é uma maneira de financiar o imóvel e pagar em parcelas mensais durante os anos.

Ao solicitar o financiamento de uma casa através do programa Minha Casa Minha Vida, as pessoas têm a oportunidade de lidar com uma das menores taxas de juros do mercado e ainda podem simular o valor das parcelas para não correr o risco de ficar com dívidas.

Descubra quem pode participar do programa e o que é preciso fazer para se inscrever no Minha Casa Minha Vida, lembrando que existem várias etapas e várias modalidades disponíveis no programa, desde o valor dos imóveis até a renda das famílias.

Benefícios do Minha Casa Minha Vida

Com o programa Minha Casa Minha Vida, o cidadão poderá pagar o imóvel em longos anos, sendo que as parcelas ficam de acordo com a renda mensal de cada família, respeitando os limites e com taxas de juros acessíveis.

ANÚNCIO

Outra vantagem que se pode considerar ao fazer o cadastro no programa é que é possível conseguir um subsídio, que é uma ajuda dada pelo governo na entrada do financiamento e isso diminui o valor que será financiado.

Outro benefício que pode ser solicitado é a redução do valor do seguro nos financiamentos habitacionais; além de contar com taxas de juros menores, diminuindo o valor das parcelas e do final do financiamento.

Como financiar no Minha Casa Minha Vida

Para solicitar o financiamento de imóveis através do programa Minha Casa Minha Vida, o interessado precisa ir até uma das agências da Caixa Econômica Federal para negociar a compra. Sendo que outra opção é falar diretamente com a construtora do imóvel

Uma última alternativa para quem quer comprar o imóvel com a ajuda do programa é ir a uma agência bancária correspondente à Caixa.

O que é importante saber é que existem diversas modalidades do programa, sendo que se o valor da renda for de R$ 1,8 mil até R$ 4 mil, a ajuda do programa será pagando uma parte do imóvel, que é a entrada de até R$ 25 mil, por exemplo.

O benefício também poderá ser um desconto no valor total do seguro, que é embutido no financiamento ou até mesmo uma taxa de juros menor do que as oferecidas por outros bancos, no caso de clientes com renda entre R$ R$ 4 mil e R$ 7 mil.

Quem pode participar do Minha Casa Minha Vida

Para dar entrada no programa Minha Casa Minha Vida são necessários alguns documentos, sendo: RG, CPF, comprovante de renda, comprovante de endereço, Carteira de Trabalho e a Certidão de Nascimento ou a de Casamento.

Podem usufruir do programa aqueles que recebem uma renda mensal a partir de R$ 1,8 mil e que ganham até R$ 7 mil, bastando ir até uma das milhares de agências da Caixa Econômica Federal ou nas construtoras.

Existem alguns itens que impossibilitam a participação no programa, como: ter um ou mais imóveis no nome da pessoa; ter uma renda superior a R$ 7 mil mensais; estar negativado; atuar ou ser casado com algum funcionário da Caixa, entre outras.

ANÚNCIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here