Como fazer uma Cantata de Natal em Família?

Em nossa dica de hoje, veja como é fácil e muito agradável organizar uma linda cantata de natal em família.

0

Final de ano chega o Natal e com ele um dos momentos mais aguardados de todos; a reunião da família! Não importa se família aqui significa estar com os amigos, colegas de trabalho ou qualquer outra pessoa, o fato é que todos nós amamos o sentimento familiar e pensando nisso nossa dica hoje é sobre como fazer uma cantata de Natal em família.

Poucas coisas conseguem reunir tanto as pessoas em torno do mesmo objetivo do que uma cantata de natal. Para nós, cristãos, essa atividade é uma tradição na comemoração do Natal, onde através das músicas rendemos louvores ao nascimento de Jesus Cristo de forma alegre e festiva.

Temos a ideia comum de que uma cantata de Natal é algo complexo, trabalhoso e presente apenas nas igrejas ou organizações musicais, com grandes corais e cantores profissionais. Graças a ampla divulgação na mídia de lindas cantatas Brasil a fora no período de Natal, dificilmente nos damos conta que também podemos fazer uma cantata em nossa casa, com nossos familiares.

Uma cantata de Natal em família é uma excelente oportunidade de criar vínculos, unir parentes distantes, falar do verdadeiro significado do Natal aos vizinhos e, quem sabe, a toda comunidade local. É um meio de comunhão, louvor a Deus e evangelismo aos que não conhecem o sentido bíblico do Natal.


Outra grande vantagem de uma cantata de Natal em família é que ela não requer basicamente nenhuma estrutura ou recursos complexos, mas apenas a disposição de participar, alguma afinação vocal, boas músicas e criatividade.

Cantata de Natal em Família, como Fazer?

Cantata de natal em família
Foto ilustrativa – Cantata de Natal

a) Faça uma lista de participantes;

A primeira coisa é fazer uma lista das pessoas interessadas em participar. Se em sua família inclui amigos, vizinhos, não tem problema, afinal de contas, no sentido bíblico todos somos irmãos, certo?

b) Escolha se vai ser a cappella, com play back ou instrumental

Uma cantata de Natal a cappela não precisa de instrumentos para acompanhar os cânticos, porque são apenas as vozes. Nesse tipo de cantata o coral da família pode se apresentar, por exemplo, na frente da sua casa, na praça, no seu quintal ou terraço, etc., e não se preocupar com nenhum tipo de estrutura sonora.

Por outro lado, a cantata pode utilizar play back, que é uma música instrumental gravada num CD, pendrive, etc., sem as vozes, para que o coral da família acompanhe a execução colocando suas próprias vozes. Neste caso, você precisa apenas de um aparelho de som, com a potencia suficiente para o espaço onde deseja se apresentar.

Se a família optar por fazer uma cantata com instrumentos, terá que ter os músicos que vão tocar os instrumentos, que podem ser violão, teclado (ou piano), efeitos de percussão, bateria, etc. Ou seja, o quanto você tiver a sua disposição. No geral, como se trata de uma cantata de Natal em família, um violão e/ou teclado já seria de bom tamanho.

c) Escolha o repertório da cantata

A quantidade de músicas vai depender do tempo que a família pretende dispôr para a cantata. Pode ser apenas uma música, ou dez, fica a seu critério. O mais importante é a comunhão do momento, certo?

Se a família não tem experiência com cantatas, apresentações em corais ou até mesmo com a própria música, dê preferência para músicas fáceis, mais conhecidas, curtas, com pouca divisão de vozes ou nenhuma, deixando a critério e habilidade dos próprios integrantes fazerem o tipo de voz que puderem.

d) Distribua as músicas aos integrantes com antecedência e marque ensaios

Uma vez que você escolheu o repertório (aceitando sugestões, claro!), imprima e distribua aos membros da família para eles decorarem as letras. Se possível, compartilhe vídeos e links de MP3 na internet com as músicas cantadas por outros corais, para que os membros escutem e aprendam com mais facilidade.

Feito isso, se possível, marque alguns dias de ensaio, reunindo todo o grupo antes do grande dia oficial. Caso os parentes ou amigos morem distantes e não possam se reunir para ensaiar, não tem problema. O mais importante não é a perfeição, muito menos a mera apresentação de uma cantata natalina, mas sim o motivo da reunião, celebração e comunhão. Se todos aprenderem as músicas e tiverem o desejo de participar, isso é o bastante!

Essa foi a nossa dica natalina de hoje. Aproveite, reúna sua família e comemore o nascimento de Jesus de forma mais íntima e amorosa com quem você ama.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA