Unção de Davi – Bíblia e o que é

0

Muito se ouve falar sobre a unção de Davi, mas você sabe o que significa? O livro de I Samuel relata no capítulo 16 a ordenança do Senhor ao profeta Samuel para ir à casa de Jessé, pois dentre os seus filhos estava o rei que o Senhor escolhera para governar Israel. E assim como ordenou o Senhor o profeta o fez e ungiu a Davi.

Aparentemente podemos supor que o episódio de Davi ter sido ungido pelo profeta seria  tão somente um simbolismo que representaria o fato de ele ter sido escolhido rei. Todavia, há muito mais por trás dessa história, há uma essência muito mais profunda sobre o verdadeiro significado da unção de Davi. Analisemos os seguintes pontos:

Desprezado – Ao observarmos o capítulo 16 de I Samuel, veremos que Davi fora desprezado. Sim, ele fora desprezado por seus irmãos, por seus pais, inclusive pelo profeta, que tentou escolher o que seria ungido apenas pela aparência. Mas, no versículo 7, Deus repreende a Samuel dizendo: “Não atentes para a sua aparência, nem para a grandeza de sua estatura”, e completa, “porque o Senhor não vê como vê o homem, pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o Senhor olha para o coração.”.

Adorador – Todos viam Davi apenas como um pastor de ovelhas, fraco, novo, inexperiente. Mas, Deus via Davi como um adorador, como alguém que o amava, sincero, que sabia amar,  se arrepender e se humilhar na presença de Deus. Davi não era perfeito, mas confiava em Deus, e Nele estava sua força.

A unção – O versículo 13 diz que: “Samuel tomou o chifre de azeite, e ungiu a Davi no meio de seus irmãos; e deste aquele dia em diante o Espírito do Senhor se apoderou de Davi;”. A unção não se tratou apenas de um simbolismo, mas da presença do Espírito Santo na vida de Davi, o capacitando para o reinado, enchendo-o de coragem nas batalhas e contra o gigante Golias, guiando-o e o inspirando como sacerdote e profeta.

Davi foi um exemplo de que, quando confiamos em Deus e deixamos Ele nos usar, certamente faremos muito mais que imaginamos no serviço do Reino. Ele se tornou o maior rei da história do povo israelita, e até os dias atuais podemos sentir a unção com a qual, inspirado por Deus, escreveu os Salmos.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA